terça-feira, 29 de junho de 2010

Polícia prende foragido mais procurado de São José, na Grande Florianópolis

Jovem de 21 anos estava em uma pensão em Balneário Camboriú

Prisão de Glauson Koche Rita poderá esclarecer assassinatos em São José registrados em 2010 - Foto:  Divulgação/Polícia Civil 8491027 

O homem mais procurado pelas polícias Civil e Militar em São José, na Grande Florianópolis, foi preso às 17h de segunda-feira em uma pensão em Balneário Camboriú, no Litoral Norte de Santa Catarina. Glauson Koche Rita, de 21 anos, é suspeito de envolvimentos em assaltos e assassinatos.

Glauson foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia de Balneário Camboriú. Os policiais apreenderam junto com o suspeito um Passat blindado, com placas de São Paulo, uma pistola 380, 16 munições intactas e diversos objetos como pé de cabra e alicate de pressão.
Segundo a polícia, o jovem também teria se envolvido em troca de tiros entre gangues rivais no bairro Forquilhinhas, em São José. Ele usa uma bolsa de colostomia junto ao corpo por problemas no intestino gerados pelos disparos. Glauson teria prometido matar rivais pelo dano à saúde que adquiriu.

Perigoso

Glauson é considerado de alta periculosidade pela polícia. O delegado Rodolfo Cabral afirma que havia três mandados de prisão decretados contra ele. A sua prisão poderá esclarecer assassinatos registrado neste ano em São José.

DIARIO.COM.BR

Nenhum comentário: